Os protetores bucais são somente para atletas profissionais?

protetor branco.001Uma coisa que muitos pacientes perguntam é sobre se os protetores bucais devem ser utilizados somente por atletas profissionais, ou por todos aqueles que praticam atividades esportivas que tem contato físico? Afirmo com toda a certeza que a indicação para a utilização dos protetores pode ser para todos os praticantes desses esportes, mesmo que ocasionalmente.

Esses aparelhos tem como a função proteger contra possíveis traumas na região bucal, e mesmo que em uma pelada ocasional, de fim de semana, por diversas vezes podem acontecer traumas que venham a produzir lesões permanentes nos praticantes. Muitas mães me perguntam também sobre a utilização de protetores bucais em seus filhos que praticam esportes ainda na fase colegial. Eu sempre afirmo que está totalmente indicado, principalmente naquelas crianças que tem os incisivos superiores mais projetados para frente (pacientes classe II). Nessa situação, uma queda pode ocasionar a avulsão e perda de um elemento dentário, e não é com pouca frequência que isso acontece com os pequeninos.

Outro questionamento que tenho com bastante frequência é quais os esportes que estão indicados a utilização dos protetores. Dividimos basicamente em 3 tipos (os esportes obrigatórios, os esportes com grande necessidade, e os esportes com média necessidade). Dentre os esportes obrigatórios temos aqueles que tem um contato direto da boca com o adversário, e que já tem a sua regulamentação como obrigatória o uso, em alguns países, como por exemplo: Boxe, MMA, lutas que envolvem chutes e socos, Rugby, Futebol Americano e Hoquei. Dentre os esportes com grande necessidade de uso temos os que apesar da utilização não obrigatória, com frequência encontramos lesões em praticantes, como exemplo temos: Polo aquatico, Handeball, Judô, Jiu-Jitsu, dentre os esportes de luta, que não envolvem chutes e socos. Outros esportes que tem lesões com menor frequência, mas não obstantes encontramos situações de risco, também estão indicados a utilização de protetores, principalmente se os praticantes tiverem dentes projetados para frente, como exemplo temos: Futebol e Basquete.

Dessa forma, afirmo, e tenho plena convicção que, para a segurança de todos, é importantíssimo a confecção desses aparelhos, que além de proteger, hoje em dia, com uma personalização podem também ter um quesito a mais para a utilização por parte de não só os atletas profissionais, mas de todos os praticantes de esportes.

Sucesso a Capacitação em Alinhadores Invisíveis, no Rio de Janeiro

turma rjNos últimos dias 21 e 22 de Janeiro o Dr. Andrade Neto esteve no Rio de Janeiro ministrando mais um curso de Capacitação em Alinhadores Invisíveis. O curso com 16hs/aula contou com a presença de 10 alunos, que aprenderam a técnica de trabalho e a confecção por diversas técnicas de Alinhadores Invisíveis.

O próximo curso de Capacitação em Alinhadores Invisíveis acontecerá em São Paulo-SP nos dias 26 e 27 de Abril, com as inscrições abertas no site (http://cursos.drandradeneto.com). Já para os alunos que pretendem um curso mais extensivo com atividade clínica, em Fortaleza e Recife, acontece o Curso de Capacitação Clínica em Alinhadores Invisíveis, com início em Maio de 2014. Não perca sua chance e comece já a trabalhar com os Alinhadores Invisíveis.

fortaleza1912433_449082258558450_1971583604_n

 

1 em cada 5 pacientes usam Alinhadores Invisíveis nos EUA

Uma pesquisa de Fevereiro de 2012, coloca os Alinhadores Invisíveis como uma crescente técnica que vem sendo adotada com uma grande frequência nos EUA. Confira a pesquisa, com a tradução feita pelo google tradutor:

 

Alinhadores Invisíveis, um levantamento de uso

Publicado em terça-feira, 31 janeiro, 2012 18:00

por Christopher Piehler

Um instantâneo de como os nossos leitores usam este tratamento estético

Cada edição da revista apresenta os leitores com novos produtos, sempre em avanço, mas quantos ortodontistas realmente ir além suportes básicos e fios em suas práticas? Para descobrir isso, os produtos ortodônticos lançou uma série de pesquisas de leitor que vai continuar durante todo o ano. O objetivo de nossa primeira pesquisa foi descobrir se e como os nossos leitores usar alinhadores. Para reunir os dados, enviamos uma pesquisa e-mail, com o incentivo de um cartão de presente $ 50 para preenchimento. Recebemos um total de 187 respostas, embora nem todos os entrevistados responderam a todas as perguntas (e algumas perguntas permitiram mais de uma resposta). Nos gráficos de acompanhamento, cada resposta é rotulado com o percentual eo número de entrevistados que deram essa resposta.Aqui está o que eles disseram.

APROXIMADAMENTE QUANTOS CASOS VOCÊ COMEÇA A CADA ANO?

A pluralidade dos entrevistados (36,4%) disse que eles começam a menos de 100 casos por ano. Se agrupam os três principais respostas juntos, descobrimos que 81,9% dos entrevistados iniciar menos de 300 casos por ano. No entanto, 4,3% disseram que eles começam a mais de 600 casos por ano, por isso a pesquisa tem a entrada de práticas com muito diferentes volumes de pacientes.

QUAL A PERCENTAGEM DE PACIENTES QUE VOCÊ DIRIA QUE VOCÊ TRATA COM ALINHADORES?

A forte maioria (61%) dos entrevistados que usam alinhadores disse que eles tratam 10% dos seus pacientes com os aparelhos removíveis. Se olharmos ainda mais, de acordo com os nossos números, 87,7% dos ortodontistas que utilizam alinhadores tratar entre 10% e 30% dos pacientes com essa modalidade. Também é interessante notar que nenhum dos nossos entrevistados disseram que eles tratam 90% ou mais de seus pacientes com alinhadores.

TEM O NÚMERO DE CASOS VOCÊ TRATAR COM ALINHADORES MUDOU EM RELAÇÃO AO ANO PASSADO?

Com base nessas respostas, podemos dizer com segurança que o uso alinhador está aqui para ficar. Mais de 50% dos entrevistados disseram que seu uso alinhador aumentou no ano passado, enquanto 30,3% responderam que seu uso alinhador tem se mantido estável nos últimos 12 meses. Apenas 18,9% disseram que estão usando alinhadores para menos casos do que eram há um ano.

SE VOCÊ NÃO USAR ALINHADORES, POR QUE NÃO?

A grande maioria (80%) dos entrevistados que não utilizam alinhadores citou “Eles não me dão os resultados que eu quero”, como o motivo. Completando os três principais respostas foram “Eles custam muito caro” (52,7%) e “Eu não quero depender do cumprimento dos meus pacientes para o tratamento ter sucesso” (30,9%). Aparentemente, a formação do pessoal não era um problema, neste caso: não respondentes citaram a necessidade de ensinar seus funcionários novas habilidades como uma razão para não usar alinhadores.

QUAIS SÃO OS TIPOS DE PACIENTES QUE VOCÊ USA ALINHADORES PARA?

Nossos entrevistados usam alinhadores em pacientes de idades variadas e com uma variedade de más oclusões. A conclusão mais clara que pode ser tirada aqui é que o que já foi considerado um aparelho apenas para adultos passou com firmeza no campo da ortodontia adolescentes. A gritante 72,3% dos entrevistados disseram que usam alinhadores em adultos e adolescentes.

VOCÊ USA ALINHADORES EM COMBINAÇÃO COM OUTROS APARELHOS?

A maioria considerável daqueles que pesquisou usar alinhadores em conjunto com outros aparelhos. Cerca de um terço (34,6%) dos entrevistados disseram que eles só usam alinhadores sozinho. As três combinações mais populares eram alinhadores e suportes padrão (45,8%), alinhadores e braquetes autoligáveis ​​(21,2%), e alinhadores com outros aparelhos removíveis (12,8%).

EM UMA ESCALA DE 1-10, QUANTO VOCÊ ESTÁ SATISFEITO COM OS RESULTADOS QUE OBTÉM USANDO ALINHADORES?

As respostas a esta questão variou em todo o mapa, mas o grupo mais forte foi na faixa de 7-9, que respondeu por 61,7% dos entrevistados. Nos extremos do espectro, 3,8% dos entrevistados colocou o seu nível de satisfação em 1, e 2,7%, colocá-lo em um 10 perfeito.

Nossa última pergunta foi: “Qual a marca ou marcas de alinhadores que você usa?” Para evitar viés de qualquer marca, pedimos isso como uma abertura em vez de pergunta de escolha múltipla, e os respondentes poderia listar tantas marcas como quisesse.

Como resultado, descobrimos que algumas odontologia utilizar três ou quatro tipos diferentes de alinhadores. No entanto, Invisalign era o nome dominante dada por nossos entrevistados, 52,5% deles disseram que usam apenas essa marca. Outra 11,7% responderam que usam Limpar correto e Invisalign, e 5,6% disseram que usam apenas Limpar alinhadores correta. Outras marcas que foram mencionados pelo menos uma vez incluem, em ordem alfabética: 5 Alinhe; Anjo Align; AOA; ASO; Essix ACE; Five-Star Bioliner; Red, White & Blue; Simpli5 e jogadas inteligentes. Além disso, 4,5% dos entrevistados disseram que fazem alinhadores em casa ou tê-los feito a pedido de um laboratório local.

Claramente, alinhadores tornaram-se uma parte indispensável do arsenal do ortodontista, e como os produtos e técnicas de melhorar, sua utilização deve continuar a se expandir.

Uniodonto Fortaleza: Dr. Andrade Neto atende

UNIODONTO-PLANO-ODONTOLoGICO-FortalezaDr. Andrade Neto é um dos cooperados da Uniodonto Fortaleza, plano de saúde odontológico. Com atuação na especialidade de Ortodontia e Clínica Geral o Dr. Andrade atende os clientes do plano em seu consultório, tendo esses a oportunidade de desfrutar de um atendimento diferenciado.

Curso de Ortodontia Estética – Fim de módulo.

Hoje concluímos mais um módulo importante de nosso curso de Ortodontia Estética. A turma, entrosada trabalhou muito a nossa apostila de práticas para Ortodontia Lingual. Arcos, momentos, barras, arcos de retração, muito bom o desempenho dos colegas. Parabéns a todos.

HOMENAGEM AO DIA DOS NAMORADOS

Dr. Andrade Neto é destaque na Exotic VIP

A Revista de circulação estadual, Exotic VIP, do jornalista Paulo Matta, agraciou o Dr. Andrade Neto, como destaque VIP da Odontologia do Estado do Ceará. Confira a Reportagem imagem: